repórter

textos de Augusto Baptista

25 octobre 2006

Contra os peões, marchar, marchar!

Os passeios são território do peão, convencionou-se. Mas, da teoria à prática, vai a distância do sossego ao sobressalto, da paz à guerra. Nos passeios alçam-se carros, motociclos, bocas de incêndio, camiões, bicicletas, postes, tabuletas, caixas eléctricas, placas, escavadoras, sinais de trânsito, cabinas telefónicas, depósitos de lixo, valas, parquímetros, andaimes, vidrões, sanitários, mecos, buracos, protecções, canos, tapumes, redes, candeeiros, cercas, calhaus. Calhaus, com vossa licença, até de cão. ... [Lire la suite]
Posté par teodias à 22:13 - - Commentaires [0] - Permalien [#]

25 octobre 2006

Afectos descartáveis

Apareceu-me um dia destes à borda do passeio, mesmo em frente ao Hospital Militar do Porto. Lindas rodas brancas, pedais cromados, assento largo como dorso de pónei, e um volante-guiador — auréola negra por cima do manípulo das mudanças: um triciclo! Um triciclo como eu nunca tive, no lixo! Parei a remirar a peça, desejo de pedalar a corroer-me. E conjecturei sobre o que terá levado alguém a atirar ao lixo um brinquedo assim. Será que os pais... Será que os pais já lhe terão dado o carro?   AB  ... [Lire la suite]
Posté par teodias à 00:02 - - Commentaires [0] - Permalien [#]