repórter

textos de Augusto Baptista

20 octobre 2006

Rotunda da Boavista

O motociclista escapou por um triz à dianteira do automóvel, e parou mais à frente, a protestar. Por destino ou para fugir à proximidade com a indignação, o automóvel guina à direita. Em perigo fico eu de repente, eu a atravessar a passadeira a coberto do verde. Não dá para escapar, correr para a frente, pular para trás. Estou encurralado no meio da estrada. De consciência lavada, no respeito das regras que aos peões se exigem, morrerei de pé. E encontro coragem para olhar nos olhos o instante, testemunhar a minha ... [Lire la suite]
Posté par teodias à 21:41 - - Commentaires [0] - Permalien [#]

20 octobre 2006

Sinfonia muda

O violino flutua entre o trânsito parado nos semáforos da Avenida Sidónio Pais, no Porto. O homem, pose musical, agita o arco do instrumento, mão à altura do queixo. E sorri, sorri muito, rente aos vidros e aos condutores, uns e outros fechados quase sempre. No sufoco dos motores a trabalhar, a música é uma cara a sorrir, a sorrir muito, violino no queixo; e uma mâo, gestos divididos entre a dádiva sinfónica e a súplica. Desponta o verde, os carros arrancam com fumarada, o tocador salta para a berma, a sorrir, a... [Lire la suite]
Posté par teodias à 13:39 - - Commentaires [0] - Permalien [#]